domingo, novembro 11, 2007

Estamos a ficar famosos! Ai, ai...


Esta semana tem andado interessante. Depois da famosa mensagem do "além" (ah, e da qual aviso que já tomei medidas de precaução, nomeadamente um carregamento de bíblias, vários litros de água benta directamente importados do Vaticano, uns quantos quilos de alhos, várias toneladas de cruzes feitas da madeira da cama do "pastor alemão", e três cães de guarda geneticamente manipulados para não sentirem dor e responderem automaticamente à minha voz - são engraçados, mais ainda não aprenderam a tirar a cerveja do frigorífico sem o destruir! Já mudei 3 vezes... enfim!), hoje tomei conhecimento que foi criado um "blog" inteiramente dedicado a mim e a Luísa.

Confesso que embora me sinta elogiado por tal honra, que eu considero de uma suprema nobreza de espírito e bem querer, tenho a impressão que não vai durar muito. É que, infelizmente não há muito para contar... a não ser os meus ataque de ciática ou uma esporádica discussão no clube de xadrez (Eu já tinha comido o teu cavalo! Não senhor... comeste foi o bispo!!). São emocionantes mas de difícil relato.

Ao criador (ou ores) o meu obrigado. Mas como não há bela sem senão... meus senhores, de onde eu venho (terra de pescadores, de mãos calejadas e pelo nas ventas), bolhinha tem outro sentido... mas pronto, cada um sabe de si, e com certeza que não irei (assim como os seus parceiros), discriminá-lo por quaisquer escolhas mais "difíceis" que faça na vida. Novamente, um bem haja, sr. Bolhinha de Sabão.

Enviar um comentário