terça-feira, novembro 15, 2011

Não vem coisa boa!


Pedro Passos Coelho diz:
«Ajustamento tem de ser feito pelos madeirenses»

Alberto João Jardim diz:
«os frutos são iguais aos do resto do país. Vai ser produzida exactamente a mesma fruta para todos»

Entretanto, aprovou-se o orçamento de Estado na generalidade com as penalizações já conhecidas para o povo português, particularmente na função pública e, naturalmente, extensível à Madeira. Jardim já reuniu com Passos Coelho e dessa reunião nem fumo. E "apenas" estão em causa os limites de endividamento, as cativações e o regime de isenções fiscais na zona franca, bem como a forma de pagamento da dívida já reportada nas contas da Madeira.

E não me parece que venha daí coisa boa...

Enviar um comentário