terça-feira, dezembro 14, 2010

Maddie na WikiLeaks

 


Ainda a propósito do WikiLeaks e meramente a título de curiosidade, o jornal El País descobriu um telegrama - do leque de 250 mil obtidos pela organização WikiLeaks - que menciona o caso do desaparecimento de Madeleine da Praia da Luz.


O telegrama, ontem divulgado pelo jornal espanhol El País, é datado de 28 de Setembro de 2007 e marcado como "confidencial", refere-se a um encontro entre os dois diplomatas que decorreu em Lisboa a 21 de Setembro. Entre vários outros temas, incluindo a Rússia e o Zimbabué, os diplomatas discutiram o desaparecimento de Madeleine McCann, no Algarve, em Maio desse ano, numa altura em que se mantinha grande atenção mediática sobre o assunto.


Alexander Wykeham Ellis, embaixador inglês em Lisboa em 2007, admitiu ao seu homólogo norte-americano na capital portuguesa, Alfredo Hoffman, que tinha sido a polícia inglesa a encontrar provas contra os pais de Madeleine, segundo um telegrama confidencial. Sem aprofundar nos detalhes do caso, Ellis admitiu que a polícia inglesa tinha desenvolvido as provas actuais contra os pais McCann, destacando que as autoridades dos dois países [Portugal e Reino Unido] estavam a cooperar.


Querem ver que afinal o ex-inspector Gonçalo Amaral é que tem razão?...

Enviar um comentário