sábado, setembro 04, 2010

Condenados na Casa Pia

 


 
Ontem Portugal quase que parou para ver o que saía da leitura da sentença do processo Casa Pia. A seis dos sete arguidos foram determinadas penas de prisão entre cinco anos e nove meses e 18 anos, sendo que a pena mais alta foi aplicada a Carlos Silvino "Bibi", o antigo motorista da instituição, sentenciado por 126 crimes dados como provados. Carlos Cruz, a figura mais mediática deste processo, apanhou sete anos.


4500 páginas depois, o resultado prático do caso Casa Pia é este:


- Carlos Silvino: 18 anos
- Carlos Cruz: 7 anos
- Ferreira Diniz: 7 anos
- Jorge Ritto: 6 anos e 8 meses
- Hugo Marçal: 6 anos e 2 meses
- Manuel Abrantes: 5 anos e 9 meses
- Gertrudes Nunes: absolvida


Pela leitura resumida do acórdão, creio que desta vez tenho de elogiar o trabalho do Ministério Público que, praticamente conseguiu provar a esmagadora maioria dos crimes com que tinha acusado os Arguidos. E atendendo à natureza delicada e aos intervenientes, é de salutar.


Agora, naturalmente o caso transitará para a apreciação do Tribunal da Relação de Lisboa, já que é esperado que os Arguidos recorram da sentença.

Enviar um comentário