quarta-feira, setembro 05, 2007

Que raio de Herança...


Toda a gente conhece a "guilhotina", aquela parte em que o concorrente do concurso da RTP "Herança", tem de adivinhar a palavra certa através de 5 pistas. Esta parte tem sido uma das mais criticadas ao longo da vida desta concurso, sobretudo pelo seu grau de dificuldade - algumas vezes a roçar o absurdo.

Hoje, as pistas eram:
  • - Guerra
  • - Manuel Tiago
  • - Ivan Reitman
  • - David
  • - Tratado de Roma

Depois de algum pensar, a minha resposta seria "estrela". Porquê? Os óbvios: estrela de "Guerra das Estrelas", a "Estrela de David", a famosa estrela judaica de seis pontas. Não tão complicado mas a requerer algum esforço mental, Manuel Tiago, pseudónimo de Álvaro Cunhal, que escreveu a obra "A Estrela de Seis Pontas". Ivan Reitman, conhecido realizador dos "Caça-Fantasmas", nasceu na antiga Checoslováquia e é de descendência judaica - daí a associação com a "estrela de David", símbolo de marcou o judaísmo (sobretudo durante a 2ª Guerra Mundial).
Mais forçado e a requerer alguma associação de ideias: o Tratado de Roma assinado em 1957 constituiu a Comunidade Económica Europeia, que em 1986 adoptou a bandeira que todos nós conhecemos (azul e amarela), constituída por 12 estrelas.

Quando julguei ter a resposta correcta (e ganhava virtualmente o prémio), eis que fui surpreendido com a resposta do programa! SEIS, era a resposta certa. Sim, SEIS. Justificação: Guerra dos Seis Dias; o mesmo livro do Manuel Tiago que eu apontei; a Estrela de David tem seis pontas; Ivan Reitman realizou "Seis Dias Sete Noites"; e Seis foram os países que assinaram o Tratado de Roma.

Resposta com justificação tão válida como a minha. Ou seja, meus senhores, aquilo dá para tudo, desde que o concorrente não ganhe! Isto de dar dinheiro em concursos tem muito que se lhe diga...

Enviar um comentário