sexta-feira, agosto 10, 2007

Cinecittà em chamas...


Um curto-circuito num depósito de material poderá ter provocado o incêndio que destruiu ontem à noite um armazém onde estavam guardados vários cenários construídos nos míticos estúdios de cinema da Cinecittà, em Roma. O fogo começou por volta das 22h00 (21h00 em Portugal) num hangar de 2000 metros quadrados onde estavam arrumados templos de cartão e ruas de tela e plástico usados como cenários da superprodução televisiva anglo-americana "Roma", transmitida pelo canal 2 da RTP.

As chamas destruíram quase 1000 metros quadrados do imenso complexo cinematográfico da Cinecittà, nos arredores de Roma, e chegaram a atingir 40 metros de altura, segundo testemunhas.

Felizmente foi possível salvar alguns cenários históricos, como os de "E la Nave va" (1993), de Federico Fellini, e os de "Ben Hur" (1958), de William Wyler, graças à pronta intervenção dos bombeiros, que lutaram contra as chamas com o apoio de 15 veículos. Só terem uma noção, este complexo ocupa 40 hectares, com 65 edifícios, 300 camarins e escritórios, 21 salas de maquiagem e uma piscina de 7 mil metros quadrados para as cenas em alto mar.

Enviar um comentário