terça-feira, outubro 17, 2006

Coreia do Norte "declara de guerra"


O ministério norte-coreano dos Negócios Estrangeiros classificou hoje as sanções do Conselho de Segurança das Nações Unidas como "uma declaração de guerra". O ministério norte-coreano garante que o país pretende a paz mas sublinha que não teme a guerra. Por isso, vai "atacar sem piedade" se a sua soberania for violada, prometendo que vai observar as movimentações dos Estados Unidos e adoptar "as medidas adequadas".

Bonito. Vamos ter dois países psicóticos a brincar com armas nucleares. Depois da crise dos mísseis, aí vem a crise do nuclear.

Enviar um comentário