quarta-feira, maio 10, 2006

No gang até morrer

(Foto: Alexandre Meneghini/AP)

Wilmer Matamoros, de 23 anos, líder do gang hondurenho Mara Salvatrucha, exibe as suas tatuagens na prisão de Tamara, em Tegucigalpa. Matamoros admitiu que nunca deixará de pertencer ao gang Mara Salvatrucha, de onde, segundo as suas regras, só se pode sair com a morte.

Enviar um comentário