terça-feira, abril 08, 2014

O fim do Windows XP




Hoje assistimos à descontinuação do Windows XP. Considerado por muitos como um dos melhores sistemas operativos criados pela Microsoft (e claramente o meu preferido), lançado há 13 anos e que chegou a estar em 85% dos computadores, o XP vê assim chegar o fim do seu reinado. 

Mas atenção, isto não significa que ele se vá 'autodestruir' durante o dia. Simplesmente deixará de ser compatível com os novos programas e novos utilitários (actualmente já não se fazem programas para o Windows XP, todos são focados para o Windows 7 e 8, e sistemas de 32 e 64 bits, e a maioria dos programas já só estão disponíveis para novas versões do Windows), e o utilizador deixará de receber as actualizações de segurança habituais (significa que o sistema operativo se tornará obsoleto, eventualmente mais vulnerável a ataques pirata quando ligado à Internet e mais sensível à introdução de suportes físicos como discos externos, pendrives ou CD’s/DVD’s). A alternativa é fazer o upgrade para um sistema superior (recomendam o 7 ou o 8) ou, para aqueles que a máquina não suporte um sistema superior, comprar um novo computador (o que não é nada agradável para a carteira).

Eis uma notícia boa sobre o assunto: http://www.tvi24.iol.pt/videos/video/14120654/1

Enviar um comentário