segunda-feira, março 20, 2006

"Malleus Maleficarum"


The "Malleus Maleficarum" (The Witch Hammer), primeiro publicado em 1486, é indiscutivelmente um dos mais infâmes livros alguma vez escritos. As suas posições e considerações tiveram grande impacto na sociedade civil da Idade Média. O "Malleus" serviu de guia para os Inquisidores durante a Inquisição, e foi desenhado para os ajudar na identificação, acusação e punição de bruxas. Determinou também muitas das concepções e medos modernos sobre bruxas e sobre a influência da bruxaria.

As questões, definições e acusações que determinou relativamente às bruxas, reforçadas pelo seu uso pela Inquisição, vieram a ser largamente consideradas como verdades irrefutáveis. Estes credos são ainda mantidos vivos hoje em dia pela maioria dos Cristãos em relação aos praticantes da moderna e recuperada religião da bruxaria/feitiçaria, ou Wicca. E enquanto o "Malleus" em si, é praticamente desconhecido nos tempos actuais, os seus efeitos provaram perdurar por muito tempo.

Enviar um comentário