quarta-feira, setembro 21, 2005

"Ticha" Penicheiro campeã da WNBA

"Rainha" das assistências da história da competição

A basquetebolista portuguesa Patrícia ("Ticha") Penicheiro conquistou esta madrugada o seu primeiro título de campeã da liga norte-americana feminina de basquetebol profissional (WNBA), ao serviço das Sacramento Monarch. A jogadora é a "rainha" das assistências da história da competição.

Um lance livre da jogadora portuguesa a 9,9 segundos do final selou o sucesso da formação californiana no quarto embate da final (62-59), que valeu um triunfo por 3-1 face às Connecticut Sun, num "duelo" disputado à melhor de cinco encontros.

"Sei que estiveram oito longos anos a apoiar-nos, esperando pacientemente por este momento, mas agora somos campeãs", afirmou, dirigindo-se aos adeptos, "Ticha" Penicheiro, que faz parte das Sacramento Monarchs desde o primeiro ano (1998).

Apesar de ter sido afectada por lesões nos "play-off" e de não se ter apresentado na final nas melhores condições físicas, a jogadora portuguesa integrou, como sempre, o cinco inicial das novas campeãs no quarto jogo e voltou a ser muito importante.

"Queríamos celebrar este título aqui, perante os nossos adeptos e conseguimos", disse ainda a internacional portuguesa, natural da Figueira da Foz, onde deu os primeiros passos na modalidade, antes de rumar aos Estados Unidos.

Formada em Old Dominion, equipa ao serviço da qual chegou a uma final universitária, Patrícia Nunes Penicheiro teve um impacto imediato na WNBA, graças à sua ímpar visão de jogo, que cedo lhe valeu o estatuto de "rainha" das assistências da competição.

A base portuguesa é a líder histórica no número total de assistências - 1591 assistências, contra 1338 da já retirada Teresa Weatherspoon - e também a jogadora com melhor média por encontro - 6,6, contra 5,9 de Sue Bird, base das Seattle Storm.
Enviar um comentário