quinta-feira, maio 24, 2012

Não havia, não havia! Olha, afinal há!


(Imagem: DN-Madeira, de 23/05/2012)

Pois é. Não havia, não havia, mas lá estão elas, como já antecipávamos. Em campanha tudo vale e tudo se promete. Também não iam subir os impostos e afinal subiram. Também não ia haver despedimentos mas sabemos já que há gente que vai embora (aliás, alguns já foram).
A justificação é sempre a mesma: "não era intenção mas Lisboa obrigou...". A verdade é que cada vez mais somos uma espécie de província lisboeta, que ainda tenta fingir que morde a mão que lhe dá de comer. É triste mas é o ponto a que chegamos...
Enviar um comentário